PRODUTOR

QUINTA

DAS ARCAS

António Esteves Monteiro lidera uma família de conquistadores. Depois da conquista de um vasto território pelas terras do Vale do Sousa, com um conjunto de quatro quintas que dão suporte a uma oferta invejável de vinhos verdes, a batalha seguinte foi mais a sul, pelas terras alentejanas de Borba. Dessa batalha saiu mais uma conquista, a Herdade Penedo Gordo, uma propriedade situada num famoso micro clima alentejano e de onde são originários alguns dos melhores vinhos da região. Conheça melhor a Quinta das Arcas, o produtor que quer conquistar também o seu coração... 
Quinta das Arcas.png

Quem é a QUINTA DAS ARCAS?

UMA FAMÍLIA DE CONQUISTADORES

A conquista, já se costuma dizer, faz-se com muito trabalho, com vontade, espírito de sacrifício, e muita resiliência. Com base nesta frase, é fácil perceber que na Quinta das Arcas estamos perante uma família de conquistadores. Sim, uma família, já que é assim que este produtor se identifica, como uma empresa "verdadeiramente familiar" apesar da sua dimensão atual nos poder indicar outra realidade...

E porquê conquistadores? Porque a história deste produtor está marcada por várias conquistas ao longo do tempo. Tudo começou na década de 70 do século passado, quando António Esteves Monteiro iniciou um trabalho árduo de emparcelamento de terrenos da família, de forma a poder criar uma base de sustentação a um projecto vinícola "à séria". Passado este período de primeira conquista, Esteves Monteiro consegue lançar os seus primeiros vinhos em 1985, com a marca Arca Nova. E esta conquista foi das boas, culminando um processo que nunca é fácil para um produtor de vinhos.

Já com mais de 200 hectares de vinha na região dos Vinhos Verdes, estes conquistadores nortenhos avançam para o sul. Esteves Monteiro, a sua esposa Lisete Oliveira, e os filhos António e Mário Monteiro iniciam uma viagem de mais de 400 Km até ao Alentejo, onde a partir de Borba, conquistam não só a Herdade Penedo Gordo, mas também o respeito e o reconhecimento das gentes alentejanas e dos consumidores, provando que não só de verde se pintaria a história da Quinta das Arcas....

DO VERDE MINHO ATÉ ÀS PLANÍCIES ALENTEJANAS

Depois da conquista dos terroirs verdejantes e húmidos das terras do Vale do Sousa, a norte, e com um pé na zona minhota, a Quinta das Arcas reuniu armas e bagagens e seguiu confiante rumo às planícies Alentejanas.

Alguns anos depois, este produtor nacional apresenta com orgulho as suas muitas criações vinícolas mas não só... Para além da oferta de vinhos DOC, e como veremos de seguida, não é pequena, a Quinta das Arcas produz azeite, queijos artesanais e uma oferta muito peculiar na área das aguardentes e licorosos.

Um respeito muito grande pela natureza e a procura da qualidade pela simplicidade, são algumas das linhas mestras que guiam o trabalho deste produtor. E muito bem!

Qta das Arcas_Ilustra_9.jpg

VERDE OU MADURO? AGUARDENTE OU LICOR?

TALVEZ ESPUMANTE...

Desde o tempo dos primeiros vinhos Arca Nova, lançados nos anos 80, tudo mudou! Apesar dos Arca Nova serem ainda os representantes de uma linhagem clássica da Quinta das Arcas, o que é facto é que hoje em dia, a oferta deste produtor é muito diversificada. Tem dúvidas? Então vamos lá!

OS VERDES

ARCA NOVA

São 7 as referências timbradas com o selo Arca Nova. A região dos Vinhos Verdes não poderia estar melhor representada! Comece pelos vinhos típicos da região, leves e perfumados, frescos e claramente vibrantes. São exemplos os Arca Nova Branco e Rosé, os varietais Loureiro ou Alvarinho. Já com um bom cabrito assado no forno de lenha, avance para os Arca Nova Vinhão, mais robustos e cheios de elegância.

CONDE DE VILLAR

Nesta gama pode contar com mais 6 referências, numa oferta igualmente diversificada e ainda da região dos Vinhos Verdes, na linha dos Arca Nova, e variando entre as castas brancas e tintas.

FAMILY COLLECTION

Debaixo da chancela Quinta das Arcas, vamos encontrar uma gama de vinhos elaborados a partir de uvas oriundas de parcelas especiais de vinha, ou de vinhas velhas. Um exemplo da especialização deste produtor na produção de vinhos chamados de "nicho" com particularidades muito próprias.

 

E AINDA...

Junte agora referências como os vinhos ZAP, Bicudo ou Belenus para fechar a oferta dos Vinhos Verdes.

OS MADUROS DOC

HERDADE PENEDO GORDO

Ora já no Alentejo, a gama Herdade Penedo Gordo apresenta no total 6 referências, do habitual tinto, nas configurações colheita e reserva, passando pelo branco e rosé. Todos elaborados com as castas típicas da região alentejana, e vinhos com amplo reconhecimento nacional e internacional.

TAPADA DE VILLAR

Temos mais 6 referências numa gama em linha com a da Herdade Penedo Gordo, neste caso com a chancela Tapada de Villar. São vinhos produzidos a partir do mix de várias castas típicas do Alentejo.

DO BARRO

E como estamos no Alentejo, terras do barro, temos uma oferta de tinto e branco, numa configuração "Unoaked" com fermentação apenas em cubas inox, e num blend de castas da região.

NÓS AVISAMOS!... "UMA OFERTA MUITO DIVERSIFICADA"

E se já se sente algo cansado de ler, aguente mais um pouco, porque a Quinta das Arcas ainda lhe dá mais opções: Aguardentes Velhas (uma XO), Vinho Licoroso, e Espumante, todos da gama Conde de Villar. 

 

De facto, o difícil é escolher!

Regiões Principais

VINHOS VERDES + ALENTEJO

Qta das Arcas_Ilustra_10.jpg
Qta das Arcas_Ilustra_11.jpg

2 500 000 LITROS DE TERROIR

São ao todo cinco quintas. Quatro na região dos Vinhos Verdes e uma no Alentejo, que contribuem para o magnífico número no título deste texto. Parabéns Quinta das Arcas!

 

AS QUINTAS DO NORTE

 

QUINTA DAS ARCAS

São 50 hectares de vinha, com mais de 30 anos e que alberga castas como a Loureiro, Arinto e Trajadura.

Está localizada em Sobrado, entre as localidade de Valongo e Paredes.

 

QUINTA DA GANDRA

Apenas a 2 Km da Quinta das Arcas, apresenta cerca de 80 hectares de vinha, orientada a poente.

QUINTA DA COSTA

São 20 hectares de vinha em meia encosta com uma exposição solar sul/poente. Com solos pobres e xistosos esta vinha, está inserida num terroir muito próprio. Localiza-se em Sobrado.

QUINTA DE VILLAR

Já no concelho de Penafiel, a Quinta de Villar apresenta 30 hectares de vinha. Segundo o produtor, esta quinta "possui excelentes condições para a produção de vinhos de qualidade, sendo toda ela de encosta. A s condições micro climáticas e o solo granítico desta quinta são propícias à produção de castas tintas, nomeadamente o Vinhão e o Espadeiro que ocupam quase a totalidade desta área vitícola"

A HERDADE PENEDO GORDO - ALENTEJO

É no concelho de Borba que a Herdade Penedo Gordo aproveita um microclima ideal.

Também como referido pelo produtor: "o clima extremamente seco e com amplitudes térmicas acentuadas entre o Verão e o Inverno, dão à vinha uma capacidade única de produzir uvas com uma qualidade excepcional". Na herdade foram cultivadas castas típicas da região como a Aragonêz, Trincadeira, Alicante Bouschet, Touriga Nacional e Syrah.

4 Vinhos em Destaque

Prémios

Alguns prémios e menções obtidos por este produtor 

Concours Mondial Bruxelles Gold.png
Concours Mondial Bruxelles Silver.png
Konradin Selection Ouro.png

Enologia

Fernando Machado e Henrique Lopes

Enologia

Informações e Contactos

+351 224 157 810 / +351 224 110 070

Rua Central da Lomba

4440-392 Sobrado – Valongo

GPS: N 41.200663 / W 8.454827